quinta-feira, Janeiro 17, 2008

A DANÇA DO VENTRE...


Encontrei este texto num Blogue brasileiro e fiquei surpreendida. Gostaria que no mínimo que este texto que eu escrevi em Mulheres & Deusas tivesse como referência o meu nome ou o do meu Blogue ou uma nota de esclarecimento. Pode ser que seja vaidade mas acho que tinha esse direito…e apesar de não me importar nada que os meus textos circulem e cumpram a sua função seria gratificante para todas sabermos a autoria dos mesmos!
De qualquer modo sinto-me orgulhosa e agradeço a divulgação!

««««««««««««««««
PORQUÊ MULHERES & DEUSAS ?

Porque a mulher moderna se encontra separada da sua essência divina... Porque a mulher moderna ignora a sua capacidade de mediadora das forças cósmicas e telúricas e esqueceu a sua origem de Deusa nas diferentes facetas a que a sua idade corresponde. Porque a mulher perdeu a Chave dos Mistérios...
A mulher encontra-se alienada de uma parte importantíssima de si mesma e age de acordo com um modelo restrito que a sociedade patriarcal lhe impôs. Porque social e psicologicamente está presa a padrões e referência de utilização do seu ser ao serviço das instituições que a põem à margem se ela não lhes obedecer ou não servir os seus interesses! E se transgredir torna-se marginal ou converte-se na “prostituta” ou no mínimo na “cabra”...
Todas as mulheres estão sujeitas a estes padrões, mesmo aquelas que se julgam libertas adaptando o modelo dos homens, o que ainda é mais grave. Raras são as mulheres com consciência de uma identidade própria. A mulher tem de encontrar a sua essência na sua feminilidade radical e na integração da deusa que há em si. Só quando a mulher unir as duas partes de si e não mais aceitar a divisão do seu ser em duas, a amante e a esposa, a adúltera e a fiel, e a sua sexualidade se tornar sagrada tal como o seu corpo que é dádiva e nunca mais for “possuída” ou aceitar ser “vendida” (ou comprada)!
Rosa Leonor Pedro
- Assino e confirmo e verifico como não é possível manter a autoria porque de uma maneira ou de outra todos plagiamos e roubamos quer textos quer imagens e neste momento já é impossível reter os nossos direitos. Eu sou excrupulosa com os nomes de autores nos textos que copio mas não cumpro a ética com a s imagens e raramente coloco o nome dos pintores ou autores de fotografia uns porque se perderam, outros até por perguiça...
Quem com ferros mata com ferros morre...
A foto é roubada de lá...da Cia Avit Sharidu..

3 comentários:

Nana Odara disse...

Não custa nada identificar pelo menos alguma referência da imagem ou do texto que se copia, pelo menos do blog onde foi copiado... Eu geralmente coloco no final da postagem as referências dos blogues gentilmente blogueados... hahahaha... e sempre que posso, ou dá tempo eu informo no próprio blog ou email que estou copiando a imagem, geralment copio apenas imagens... texto eu mesma faço... já tem até reclamação de que tem texto demais...rs...
Tá com preguiça de comentar ou tá com preguiça de ler... hahahaha...

Eu agradeço imenso as suas sugestões (e ultimatos... hahahah)
Vou anotar e pensar no assunto...
Beijos...

Anónimo disse...

Preguiça de ler e de comentar...de rsponder inclusivé aos comentários. Podia ter explorado este meio mas nunca o fiz...falta-me também já a paciência...é da idade menina! Não parece, mas pesa...
Beijinhos

rosaleonor

Anónimo disse...

Quanto à identificação dos textos..é também a preguiça de buscar o nome, não acha? Pior é mesmo fingir que é nosso o que não é e aí eu tenho muito cuidado com os textos das outras pessoas. Aliás normalmente só coloco excertos dos livros que leio...e é chato escrevê-los e às vezes traduzí-los mas têm de ter qualidade.
- Tinha esquecido metade da resposta...rosa leonor