"NÃO SOU FEMINISTA, SOU ANTROPOLOGICAMENTE LÚCIDA" Ana Hatherly

sábado, janeiro 03, 2009

A MISSÃO DE PORTUGAL

“A mulher é por essência a animadora e a inspiradora,

É ela que faz jorrar a iluminação no coração do homem

E o homem tendo-se tornado consciente exprime-se como poeta,

Comporta-se como cavaleiro e age como Mago.

Mago-sacerdote que celebra um culto de que a mulher se torna Deusa.

A Mulher tornando-se ela, a sacerdotisa de um Deus

Que só pede abandono, liberdade e mistério.”


in Thesaurus Magia de Valentin Bresle

Citado In O LOUCO DE SHAKTI – REMI BOYER"
*
(...) A missão de Portugal - cuja essência não é de subserviência, injustiça e miséria, mas de fraternidade, espiritualidade e universalidade.

Parte desta tarefa de cidadania activa cabe às mulheres que, ao tomarem consciência do seu poder ou energia interna, a shakti da tradição indiana, se autoconhecem como Espírito e vivem o coração como orgão de conhecimento directo intuitivo e de irradiação energética. A mulher, na sua capacidade de amar e de despertar o amor, de gerar vida, de educar, de harmonizar o trabalho e as relações, de amar a Natureza, de se abir a Deus, melhorará a qualidade da consciência e da vida dos portugueses (...)"

in Borda d'Água 2007 by Pedro Teixeira da Mota

2 comentários:

Advogada Online disse...

Olá Rosa,
vim divulgar meu site Advogada Online e contar com seu interesse na coluna que estou lançando às quintas-feiras sobre "As Mulheres e o Direito".
Receberei com muita satisfação suas sugestões e críticas.
Li seu blog e gostei muito do conteúdo, inclusive é fonte de muita inspiração para escrever.
Um grande abraço!

Anónimo disse...

Obrigada minha amiga. Já a visitei e gostei muito.

oportunamente falaremos

rleonor