terça-feira, fevereiro 10, 2009

A DESTRUIÇÃO DA MULHER PELAS "NAÇÕES UNIDAS"...

Anna Paim deixou um novo comentário na sua mensagem
"ESPANHA SUSPENDEU A VACINA GARDASIL":

Rosa,

coincidentemente encontrei hoje esta postagem :
Nos anos 90, a Organização Mundial de Saúde das Nações Unidas desencadeou uma campanha para vacinar milhões de mulheres na Nicarágua, no México e nas Filipinas, de idades compreendidas entre os 15 e os 45 anos, supostamente contra o tétano, uma doença que pode ser provocada por pisar um prego enferrujado, por exemplo. A vacina não foi administrada a homens ou rapazes, apesar de presumivelmente eles poderem igualmente pisar pregos enferrujados tal como as mulheres.

Perante esta anomalia estranha, o Comité Pró Vida do México, uma organização laica católica romana, ficou desconfiada e mandou testar amostras da vacina. Os testes revelaram que a vacina do tétano que estava a ser administrada pela OMS apenas a mulheres em idade de procriarem, continha gonadotrofina coriónica (HCG) humana, uma hormona natural que, quando combinada com um portador toxóide de tétano estimula anticorpos tornando a mulher incapaz de manter uma gravidez. Nenhuma das mulheres vacinadas foi informada disso.

Soube-se mais tarde que a Fundação Rockefeller em conjunto com o Conselho da População de Rockefeller, o Banco Mundial (anfitrião do CGIAR) e os Institutos Nacionais de Saúde dos EU, tinham estado todos envolvidos num projecto que durou 20 anos, iniciado em 1972, para desenvolver a escondida vacina de aborto com um portador de tétano para a OMS. Mais ainda, o governo da Noruega, o anfitrião da Caverna de Sementes do Fim do Mundo Svalbard, doou 41 milhões de dólares para desenvolver a vacina especial abortiva do tétano....

Vale a pena conferir o texto na íntegra:
http://www.monicacamacho.com/blog/blog.php?bid=124
Penso que há mais coisas do que se possa imaginar por tráz destas vacinações contra o cancro...
*
ANNA:

Sem dúvida que se trata de qualquer coisa muito idêntica ou pior ainda para impedir as mulheres da sua evolução natural. As mulheres são sempre as vítimas preferenciais do sistema mundial de "saúde"... deviamos dizer do sistema de MORTE...
Sabemos que o que se visa é o control das populações do mundo e as mulheres sempre foram usadas nos dois sentidos...escravizadas para reproduzir a espécie de escravos e depois, envenenadas para não produzirem, mas quanto a esta nova vacina em que os Governos estão tão empenhados e na Europa, e o mundo "civilizado", onde a população decresce por causa da emancipação das mulheres, o que convém é paralisá-las...e para isso a Vacina já está a actuar com bastantes mortes e paralesias...mais ilustrativo do que isto não há...

Em Portugal, o "povo" é demasiado passivo e ignorante e as mulheres não têm qualquer capacidade de discernimento sobre a sua saúde estando nas mãos dos médicos, enquanto que em Espanha as mulheres e os homens são muito mais activos e conscientes civicamente. Por isso em Portugal não haverá queixas do medicamento. Este País é um país vendido ao estrangeiro e dominado pelas grandes mafias. Os seus Governos obedecem todos aos Rockefellers, aos Bancos e aos impérios de destruição e morte: as Farmaceuticas...
rlp

Sem comentários: