quarta-feira, fevereiro 18, 2009

A negação da alma começou com a negação da mulher


"Tal como um vulcão prestes a entrar em erupção, a sociedade que assenta a ordem social na negação institucionalizada da alma começa progressivamente a sentir um violento borbulhar, até um ponto em que mais parece que a civilização irá rebentar pelas costuras"
in o Paradigm Conspiracy de Denise B. Christopher L.

ASSIM ACONTECE COM O NOSSO CORPO...

"O nosso corpo cria a nossa alma tanto como a nossa alma cria o nosso corpo"
David Spangler

Os fibromiomas, tais como outras doenças, não aparecem propriamente do nada aterrando no útero das mulheres. Quando a mulher quer mesmo inter-relacionar-se com o seu útero prestando atenção às suas mensagens, é porque acabou de dar o primeiro passo em direcção à cura em vez de apenas disfarçar ou eliminar sintomas. Depois de cada uma de nós ter tentado aprender as mensagens do seu útero, é-nos possível escolher o tratamento que resulta melhor, quer seja a cirurgia, a dieta, a acupuntura ou uma combinação de todas elas.

Muitas mulheres conseguem correlacionar os primeiros sintomas dos seus fibromiomas com o início de abusos verbais dos companheiros, stress no emprego ou outros problemas nas suas realções com o undo exterior. Um trabalho interior é muitas vezes extremamente útil para encontrar novos caminhos para lidar com estas situações dolorosas ou de limite.
(…)
A cura verdadeira, não apenas o tratamento do nosso corpo e o aliviar da nossa ansiedade mental, envolve transformação do nosso campo de energia e consciência.
(…)
Os cientistas podem discutir tudo o que quiserem relativamente ao facto do que eu sugiro ser ou não possível mas, para mim, envolver-me nesta discussão seria participar no sistema aditivo. E é infinitamente mais apelativo prosseguir com a cura.

*
Chritiane Northrup – Corpo de Mulher sabedoria de Mulher

3 comentários:

Priscilla Valdragon disse...

ensina-me a escutar!
eu preciso ouvir!!!

Anónimo disse...

Minha querida siga a sua intuição e confie na sua alma. Ela lhe dirá o que precisa para prosseguir.
Quanto a ouvir...ouça o seu coração, ele é o único mestre que ensina a verdade.
Não se deixe enganar pelos medos e preconceitos e seja fiel a si mesma. É tudo o que lhe posso dizer por agora.

Um grande abraço

rleonor

vania jones disse...

disse tudo... forte abraço!