domingo, dezembro 27, 2009

LEMBRAR A HISTÓRIA NÃO CONTADA...


A História do mundo ocultou milhares de anos, de domínio social e religioso da Deusa.
Uma sociedade em que as mulheres tinham uma importância vital no campo intelectual e económico. Em que as mulheres eram juízes e magistrados.
Em que as sacerdotisas dos templos davam aos chefes indicações de ordem política e militar, segundo as leis do Céu…
Esse mundo foi devastado pelas invasões bárbaras e que continua a ser o nosso...
A Pré-História contada pelos homens foi um embuste terrível que tentou escamotear as provas evidentes de uma civilização anterior organizada e pacífica sob o culto da Deusa Mãe.

Nessa cultura:

“A Deusa personifica a unidade de todas as coisas. Ela dá ao seu povo tanto o alimento físico como o espiritual. Dá a vida e na morte mas ela envia os seus filhos para o seu seio cósmico. Ela simboliza a relação com a vida quer no seu lado generoso quer no seu lado destrutivo, ligada à natureza, não se preocupando com as guerras nem com as conquistas.

(…)


O culto da Deusa Mãe irriga um sistema de valores caracterizado pela ausência de violência, uma forma de igualdade e de cooperação entre homem e a mulher, uma ausência de hierarquias. Esta organização social em forma de círculo, teve lugar no mundo durante cerca de 10 a 20 mil anos de civilização sob a inspiração do princípio feminino.”*


La Femme Solaire (traduzido do francês)
De Paule Salomon

IN: http://rosaleonor.blogspot.com/2008/06/quando-deus-era-mulher.html

...fui copiar e republicar este pequeno texto e excertos à alta sacerdotisa...

http://sagrado-feminino.blogspot.com/

2 comentários:

Anónimo disse...

Belas palavras! Voltarei mais vezes, pra conhecer seu espaço. Bela alma.


Rodrigo - Brazil, Bahia

Rosa Leonor disse...

Obrigada Rodrigo!

Volte sempre!

Um abraço

rosa leonor