"NÃO SOU FEMINISTA, SOU ANTROPOLOGICAMENTE LÚCIDA" Ana Hatherly

domingo, agosto 08, 2010

Jane Burgermeister

"Como escrevi no artigo de ontem, sobre a cruz no céu de 07 de agosto, temos mais uma mulher, mais uma verdadeira heroína sob ameaça das leis e da opressão do Estado dominado pela corporatocracia: Jane Burgermeister. Ela, em fevereiro de 2009, denunciou a contaminação da vacina contra a gripe suína pelo laboratório Baxter, na Áustria, e agora dia 12 de agosto irá ao tribunal de seu país falsamente acusada.

É bastante curioso que mulheres que vem a público para denunciar a ação opressora de grupos encastelados no Estado estejam sob ameaça nesse momento quando no céu temos Saturno e Vênus em Libra e a Lua em Câncer com Plutão do outro lado em Capricórnio. Eis a tão famosa cruz celestial de 2010, que alguns chamaram de cruz do fim do mundo. A meu ver essas situações vividas por Sakineh, Jane Burgermeister e outras mulheres são indicadoras verdadeiras do significado de tal cruz astral. Eis o vídeo com Jane Burgermeister.

Jane Bürgermeister, jornalista austríaca, recentemente apresentou acusações criminais junto ao FBI contra a Organização Mundial da Saúde (OMS), Organização das Nações Unidas (ONU), e vários altos funcionários governamentais e empresariais relativos ao bioterrorismo.

Jane criou um dossiê, entregue ao FBI, que mostra as evidências de que o virus da gripe suína foi criado em laboratório e usado para exterminar parte da população e forçar lei marcial.


"Evidências de que um sindicato internacional de criminosos corporativos, que se anexaram com altos oficiais do governo dentro dos Estados Unidos, estão levando adiante um genocídio em massa contra as pessoas dos Estados Unidos usando um vírus pandemico artificialmente (geneticamente) modificado, e um programa de vacinacao para causar morte em massa, ferimentos e despovoar os EUA de forma a trasferir o controle dos EUA para a OMS, a ONU e suas forcas afiliadas de seguranca (Tropas da UN e OTAN)"


Uma das acusações é contra a Baxter, que enviou 72 kilos de vírus da Áustria para vários países, como se fosse vacina. Jane cita também vários atos do governo e leis da ONU que dão poder ao governo, FEMA e a ONU para forçar vacinacao em massa, lei marcial e aprisionamento.

Jane foi despedida do seu emprego de correspondente européia para o site de energia renovável.

IN PISTAS DO CAMINHO
http://pistasdocaminho.blogspot.com/

Sem comentários: