sábado, novembro 06, 2010

UM ESPELHO INTERIOR


PALAVRAS DE UMA LEITORA:

Muito Obrigada por escrever, você salvou meu dia hoje, eu estava cansada, sem auto-estima, esgotada para falar a verdade, e você me ajudou, continue com o blog, pois agora sou uma leitora.

D.

Minha amiga:

Queria apenas dizer-lhe que palavras como as suas me salvam a mim também muitas vezes e ajudam a escrever este Blogue. Quando há tantas mulheres que o rejeitam, ou não compreendem e dificilmente aceitam o que lhes estou a dizer...

Sinto que a confusão das mulheres é enorme e que confundem tudo na sua cabeça...

A Mulher devia procurar-se a si própria, a sua verdadeira identidade em vez de se projectar continuamente no homem e para fora, na sociedade, no trabalho ou na família.

Este Blogue pretende ser um ESPELHO da Mulher interior...da verdadeira mulher.

Chamar a Mulher a si...e não para a sedução, a moda, o sexo, o dinheiro ou o sucesso. Por isso não fala nada disso nem de homens...não fala da relação afectiva nem dos filhos ou maridos ou dos amantes, nem da violência doméstica (das suas causas sim) ou dos direitos adquiridos ou não das mulheres do séc. XX.

Fala da ESSÊNCIA perdida da Mulher Ancestral. Não da mulher moldada pelo Sistema Patriarcal que a reduziu a uma marioneta...a uma boneca insuflada...a um homem de saias...a uma mulher fragmentada e dividida que odeia as outras mulheres, regra geral...Eu sinto a agressividade das mulheres contra aquilo que eu digo e as tira dos seus presssupostos e garantias.

Mas o propósito da minha escrita é apenas um: ser esse ESPELHO da Mulher que se quer SABER POR DENTRO...e integrar as duas mulheres que a religião separou em dois tipos de mulher que todas sabemos quais são.

É gritante as mulheres fazerem tábua rasa de uma realidade em que a sua irmã ou ela mesma é prostituida...e usada para comércio sexual, seja através de que meio for...porque a prostituição da mulher acontece não só na Rua ou nos Bares...mas em casa e no trabalho... na política e na educação...

...e contra ventos e marés...ele avança...contra todas as tempestades e pedradas...ou contra mesmo a minha descrença nos dias dias de maré baixa em que o barco não consegue avançar e as velas do espírito estão caidas sem o vento da alma que me empurra...

- por isso lhe agradeço a si as suas curtas palavras!

rosa leonor pedro
(PS. quem reconhecer o autor do quadro me diga..)

6 comentários:

Nana Odara disse...

passando p deixar um beijinho
de bom fim de semana...

beijo na bocaaaaaaaaaaaaa...

Atena disse...

O texto diz tudo.
Sempre me chamou a atenção a rivalidade entre as mulheres. Talvez as que leiam seu blog e aceitem o que ele contém passem a agir diferente ...
um abraço
Atena

Gaia Lil disse...

Rosa, suas publicações são muito importantes e inspiradoras para todas nós.
E queria agradecer por poder disponibilizar seus textos em meu blogue...vamos tocar essa trabalho pra frente!

abraços

Glória. disse...

Boa Noite. Agradeço também pela sua força. Você tem força suficiente até pelas que não têm ou pensam não ter. Parabéns!!!!!!!!!!!!!1

Rosa Leonor disse...

Minhas queridas, posso nem semrpe responder aos vossos comentários mas eles contam muito para mim...no meu coração eles são muitas vezes o incentivo que preciso para continuar...

Obrigada Glória, Gaia, Nana e Atena...

abraço-as a todas com muita força...
rosa leonor

alanabastos disse...

Não sei como alguma mulher pode reagir mal ao que está escrito aqui, é tudo tão lindo, é um lugar onde descobrimos quem somos de verdade, é um refúgio pra gente que vive nesse mundo cheio de regras que oprimem as mulheres. Seu trabalho é lindo viu? =D