terça-feira, fevereiro 08, 2011

A DEUSA PULSA NO CORAÇÃO DE CADA MULHER



"Matar el agradecimiento natural de cualquier criatura hacia su madre, es la base de todo este desastre ecológico"."Busquemos a la madre verdadera, a la madre nutridora, la nutrición desapareció de este mundo con el patriarcado. El resentimiento del hijo/a hacia la madre, se debe a esa falta de nutrición, si bebemos de ella, recuperamos el amor y la plenitud perdida".

IN REVERENCIANDO NUESTRA FEMINEIDAD

É verdade, a maior parte das vezes o que escrevo e os textos que publico, têm mais a ver com o que eu penso e sinto urgente expressar, e esqueço um pouco - é um facto - a carência e a solidão de tantas de nós que nos debruçamos sobre a nossa sombra e mergulhamos na busca por vezes tão árdua do nosso ser profundo. O que sofremos quando nos indagamos quem realmente somos do mais fundo das nossas entranhas e o porquê do que desta nossa divisão e luta e de tudo o que fazem com as mulheres neste mundo e as respostas dos homens e da sua "moral" e "ciência" já não nos dizerem nada...


Sim, por vezes eu esqueço-me de que muitas de nós está completamente sozinha no seu canto, na sua vida, no seio da sua família, e a ter de lutar contra tudo e todos para ser verdadeira, para se conhecer e fiel a si mesma...
Porque este mundo dos homens, a forma como esta sua sociedade está articulada, de forma ostensiva, toda ela feita para não dar nada à Mulher que não obedeça aos seus padrões. Toda a mulher que se busca a si mesma e fuja das normas sociais e daquilo que lhe é imposto por regras estabelicidas há muito, é de algum modo apedrejada pela sociedade e pela família, não digo com pedras, como no Irão, mas nas palavras e na violência verbal ou mesmo física em tantos casos.
A "nossa" sociedade burguesa e a sua Igreja sempre excluiram e condenaram as mulheres que não se enquadravam nos seus moldes restritos e que de algum modo procuravam encontrar uma resposta para si mesmas para lá dos tabus e dos esteriótipos de mãe e amante ou de filha e crente, boa dona de casa e boa católica. E ainda hoje, em toda as esferas da sociedade, isso acontece sempre que a mulher foge dos padrões que a aprisionam a esses esteriótipos...ela é acusada, condenada, apupada e ostrasizada... seja qual for o nível "cultural" do homem...

Os homens, mesmo os que se dizem evoluidos...tipos "new age" e que se apresentam como os melhores, parte de uma elite, muito espiritualizados... continuam a rejeitar a mulher que lhes escapa ao controlo e muitas vezes são umas bestas para as próprias mulheres...mesmo esses, não suportam perder o domínnio da mulher e a sua sujeição ao macho e mestre...
Olhem bem a volta e verão muitos exemplos disso.
Ainda ontem, inesperadamente, uma senhora comentava na Televisão como é que num país tão pequeno como o nosso, no anos passado, foram assassinadas 40 mulheres pelos maridos amantes e namorados...
Por tudo isto eu não quero esquecer cada uma de vocês que me acompanha, nem o que sofrem nem o que passam no vosso dia a dia... e eu não esqueço esta ligação do coração à Deusa que nos une e como diz uma amiga neste trecho que lerão de seguida, dessa conexão "inexplicável que me faz sentir, por mais que eu esteja a milhas de distância, conectada a cada mulher da Terra"...

E com ela diz, espero escrever muitos mais textos do coração...

- "Esse foi um texto do coração, Rosa... e seus sonhos se mesclam aos meus. Seus sentimentos se mesclam aos meus. Apesar de todas as adversidades, apesar de todas as provações e todas as diferenças, a Deusa que pulsa no coração e no útero de cada uma de nós, é a mesma. E é essa Deusa que nos faz ter nada e tudo em comum ao mesmo tempo. A conexão não se faz apenas pelo modo de pensar, no qual as divergências naturalmente existem, mas também pelo modo de sentir... essa coisa inexplicável que me faz sentir, por mais que eu esteja a milhas de distância, conectada a cada mulher da Terra. É mais que telepatia, é uma identificação, uma essência, um cheiro... é realmente mágico.Deusa a abençoe por continuar promovendo o despertar dessa consciência, Rosa Leonor. Ela pôs esse desejo em sua alma e te destinou a grandes coisas, e você sem perceber as fez. E guarde em seu coração a certeza de que não estará sozinha. "* (*leitora anónima)

rosa leonor pedro

1 comentário:

TINA MÁTTER disse...

SEU BLOG É MARAVILHOSO E A VERDADE É QUE ASIM COMO OS NEGROS AS MULHERES FORAM ESCRAVAS E APESAR DAS LUTAS E EMANCIPAÇÕES A MENTALIDADE DEMORA PARA MUDAR!!!ACREDITO QUE HAVENDO MAIS AMOR ENTRE MÃES E FILHAS ISSO SERIA GENIAL,PRECISARIAMOS MENOS DE PROJEÇÕES E PODERÍAMOS SER MAIS LIVRES EM VÁRIOS ASPECTOS.EM RELAÇÃO A MINHA EXPERIENCIA COM ISSO APESAR DA DOR QUE AS VZS INSISTE EM RONDAR,JÁ ENTENDI MEU PAPEL NESSA RELAÇAO FILIAL E JÁ ME SINTO MAIS CONFORMADA,DIGAMOS QUE EU SINTO UM POUCO DO QUE COMO DIZ CAETANO "GENTE É PRA BRILHAR" NO SENTIDO DE AMAR, DE SER FELIZE NÃO DAR OUVIDOS AO QUE É DESMERECIMENTO!....GOSTARIA DE SABER MAIS SOBRE INICIAÇÃO,MEU CAMINHO TEM SIDO UM POUCO DIVERSO....APESAR DE ACHAR LEGAIS AS EXPERIENCIAS QUE VIVI, GOSTO DE APRENDER E VER SEMPRE O QUE FOR MELHOR,NÉ?UM BEIJO,E AH EU POSTEI O CONVITE EM TODOS OS BLOGS QUE SIGO,PRA DIVULGAR,MESMO,TALVEZ TENHA SIDO FALTA DE TATO,POIS A GENTE DEVE SE ATER A PROPOSTA DO BLOG E NO MOMENTO EU SÓ PENSEI NA DIVULGAÇÃO.É QUE GOSTO MUITO DO RETIRO SABE?OBRIGADA PELAS PALAVRAS DE APOIO E ACHO QUE VAI SER BEM LEGAL!!BJJJJJJJJJJ