segunda-feira, dezembro 26, 2011

MATER MATRIZ: O verdadeiro potencial feminino...


A RAÍZ MATRICIAL DA MULHER É A MATÉRIA/VIDA/CORPO, ALMA E ESPÍRITO, A SUA MATRIZ ...E É A PARTIR DO ÚTERO E DA TERRA MÃE...A PARTIR DE DENTRO DE SI E DO CORAÇÃO CENTRO, QUE A MULHER PODE ACEDER À SUA TOTALIDADE
rlp

"CABE ÀS MULHERES REDESCOBRIR O FEMININO,
DAR À LUZ UMA ALMA NOVA,
CAPAZ DE ASSUMIR A SUA DIMENSÃO CÓSMICA"*
(*Antónia de Sousa)





"Construção da Consciência Matricial de Cada Mulher "
O estudo da Construção da Consciência Matricial, abre uma nova oportunidade para o auto-conhecimento profundo de cada mulher. Trata-se de um estudo individual que revela a construção da essência de cada mulher através de uma observação cuidada, objectiva e muito esclarecedora.
A Consciência Matricial, mostra de forma clara o campo morfogenético que cada mulher transporta individualmente, manifestado através da sua personalidade, do seu comportamento, do seu ego, da sua alma, do seu espírito e da sua mente criativa e da sua mente imaginária. A interacção entre este conteúdo feminino individual e único, revela os "nós" ou bloqueios morfogenéticos da ancestralidade que conduz cada Mulher para a vida fisica.
Quando nasce para a vida física, a Mulher, corresponde emocional e mentalmente a padrões e a campos morfogenéticos que a levam a desencadear reacções psicológicas, emocionais e mentais, construindo ou destruindo partes de si mesma, que se vão acumulando em forma de potenciais ou de limitações, sobre os quais nem sempre tem consciência, desdobrando-se e desenvolvendo o seu comportamento em formas arquetípicas, para poder sobreviver. Os desdobramentos arquetípicos de sobrevivencia manifestam-se nas alterações da sua própria personalidade e do seu comportamento, afastando-a da sua essência, resultando num sistema de sucessivos traumas, frustações, dificuldades materiais, afectivas e, no permanente desconforto, de nunca poder relaxar e viver em paz e harmonia a sua vida e a sua felicidade.
 

Todas as Mulheres nascem para a Vida com uma missão matricial, sendo essa missão uma constante procura pela perfeição e pela competência, relativamente à sua essencia e à sua sabedoria interior. No entanto, existem inúmeros factores que podem interferir com o seu caminho, é por isso essencial, que cada Mulher possa aceder ao seu nível mais profundo de conhecimento, sobre si própria e sobre aquilo que a vida espera de si. 
Por mais que fuja, por mais que adie, por mais que evite, nunca poderá deixar de ser quem É, na realidade. Apesar de tudo, pode escolher um caminho construtivo e positivo, sendo detentora de maior consciência sobre si própria, sobre a sua essência e sobre a sua missão como Mulher na Vida.
O estudo da Construção da sua Consciência Matricial, mostra-lhe todos os momentos em que pode ser uma Verdadeira Deusa Criadora, Nutridora ou Materializadora e, ao reconhecer-se, pode defenitivamente assumir-se, como tal.
Quando uma mulher se assume com todo o seu potencial, não precisa mais de se projectar nos outros, buscando referências para si própria, nem mesmo para crescer e para evoluir. Quando é capaz de se assumir integralmente, passa igualmente a reconhecer as outras Mulheres e a ser naturalmente reconhecida.
A Construção da Consciência Matricial, é a mais recente actualização da Psicologia do Amor, no Todo do potencial feminino.

Para conhecer a Construção da sua Consciência Matricial não é necessária a sua presença física, porque se trata de um estudo realizado á distância sendo enviado por mail com toda a informação, esclarecimentos detalhados e conjunto de orientações individuais. Cada Mulher é Única. Cada Mulher tem a sua Missão na Vida. Cada Mulher deve ser observada e reconhecida como Absoluta!

in HANTURIA - UM BLOG INACESSÍVEL

(Espero notícias de contacto estabelecido, a fim de vos dar acesso a ele)

1 comentário:

guiomar disse...

Nós precisamos mostrar o nosso EU, e esse EU, é tudo que nos foirma, todos os nossos orgãos que forma a nossa femenilidade, o nosso corpo é um pouco mágico e é preciso ser bem guardado, para ser mostrado na hora certa, no momento serto, e quando acharmos conveniente a ser mostrado, essa deusa que se acha escondida. Temos que ser um pouco misteriosas, e não deixar que eles nos descubra tudo de uma veze.