quarta-feira, março 07, 2012

NÃO À MODA - NÃO À ALIENAÇÃO DA MULHER




AS LOLITAS
(SÃO AS LILITHS, VELHA SOMBRA MÍTICA DA MULHER...)
O que a moda...e as marcas, e os lobbys gay fazem das menina-mulheres...
há por detrás disto pais e mães que o permitem por fama e dinheiro, POR PURA DEFORMAÇÃO MORAL E PROSTITUIÇÃO DE VALORES.
SIM, um mundo prostituído que vende as filhas e uma sociedade "civilizada" (consumista e pervertida) que compra as ditas revistas e marcas e as promove...Os Midea são o factor promotor mais alienante da destruição da imagem da mulher e começa com crianças, em França ou em Londres não é só na índia e na China...

E há ainda mulheres e homens bem-intencionados que se negam estas evidências...e não lhes dão relevância...eles estão a compactuar com a venda das crianças como qualquer proxeneta e depois fazem campanhas contra a pedofilia...Esta é a grande hipocrisia das nossas sociedades "cultas" modernas...


...E NÃO VÊEM QUE ISTO É UM HORROR...?


O que tudo isto no fundo e inconscientemente reflecte é o mesmo medo atávico da Mulher Madura, da Mulher feita, da Mulher ctónica e livre, reflecte o medo dos homens em geral da Mulher autêntica, da mulher agora cada vez mais forte e competitiva, "igual" a ele, o que os leva a já não apenas a infantilizar as mulheres como o fizeram durante séculos, mas agora a buscar uma mulher menina que podem formatar ou violar como no Irão e no mundo muçulmano em geral, a fim de a domesticar e para que não lhes façam frente.
A moda além de um Empório Gay é também um meio de anulação da mulher em si, do seu corpo natural e genuíno, que assusta uns, os gays e que intimida os heterossexuais, procurando assim anular o medo/inveja ancestral que têm da MULHER verdadeira.
Deveriam as mulheres estar conscientes e serem advertidas deste atentado ao seu corpo, ás suas formas aos seus seios e à sua liberdade de ser natural, em vez de contribuir - sim, são no mundo as mulheres que afinal compram as revistas de moda e as compram contra si próprias...e se vestem de acordo com as mesmas revistas e estilistas gays? - continuando a alimentar esta alienação, fonte de sofrimento, depressão e  loucura e morte de tantas jovens mulheres e não só, que se auto-destroêm para manter uma imagem de acordo com a que vem nas revistas...
É este o mundo em que queremos  viver?

rosaleonorpedro

Sem comentários: