"NÃO SOU FEMINISTA, SOU ANTROPOLOGICAMENTE LÚCIDA" Ana Hatherly

quarta-feira, outubro 10, 2012

Flor da Vida


 
 
O equilibrio emocional...
 
“No mundo feminino, a evolução do iniciado poderá cair completamente se as emoções e os sentimentos deste último não forem suficientemente equilibrados. Dito de outra maneira, nós não podemos simplesmente continuar a avançar sobre a via da iluminação se nunca chegarmos a um certo equilíbrio emocional. Sem amor nem compaixão, e sem um corpo emocional de boa saúde, o mental humano pode até fazer-nos crer a todos que tudo está bem. Ele pode até criar a sensação que o adepto chegou mesmo á sua iluminação, enquanto na verdade todo o seu mundo pessoal se desmorona.”

 
* in Drunvalo Melchizedek – O antigo segredo da Flor da Vida

 

2 comentários:

Aliks disse...

Leonor ... tentar manter esse equilíbrio é um grande desafio, meu lado mental é super ativo ... então, o emocional então se esconde entre tantas palavras soltas, sentimentos de culpa e medo de colocar toda verdade para fora ...

Um abraço

Angélica de Lyz disse...

O ser humano é composto por várias camadas que compõem o vaso... o cálice. Somos feitos de espírito, mente, coração e corpo... o espírito pode ser grande, mas se a mente é pequena, não aguenta a informação e passa ao deslumbre. De o coração é frágil, rapidamente cede perante o peso da responsabilidade... abraço!