sexta-feira, julho 12, 2013

UMA MULHER AO CONTRÁRIO...



MEMORANDO...

A GERAÇÃO VERDADEIRAMENTE RASCA ESTÁ NA ASSEMBLEIA DA REPUBLICA E NO GOVERNO: ELES INVERTERAM O PAÍS, A LÍNGUA, AS PALAVRAS, O SENTIDO DAS COISAS E OS CÓDIGOS DE HONRA...
ELES NÃO TÊM PALAVRA DE HONRA!
 

São rascas, não prestam mesmo, porque trazem os genes do novo fascismo e a ignorância da verdadeira HUMANIDADE!
São os potencias "CARRASCOS", sim eles são os carrascos da Pátria!
rlp

 
UMA MULHER DO AVESSO, UMA MULHER AO CONTRÁRIO...
É O QUE A MULHER É SEMPRE DENTRO DO SISTEMA PATRIARCAL
 
"Não podemos deixar que os nossos carrascos nos criem maus costumes".
Simone de Beauvoir

"Fui daqueles que aplaudiu entusiasticamente a designação de Assunção Esteves para presidente da Assembleia da República. Significou um marco importante para a democracia... portuguesa e para o País. Pela primeira vez em Portugal uma mulher ascendia ao segundo cargo na hierarquia do Estado e fiquei orgulhoso desse facto. Hoje fiquei deveras chocado quando a parlamentar equiparou a “carrascos” os manifestantes que interromperam o debate parlamentar, citando para tal a escritora, filósofa existencialista e feminista francesa Simone de Beauvoir. Há que referir que a intelectual parisiense atacava a opressão nazi sobre os franceses durante a II Guerra Mundial. Esta comparação vinda da segunda figura do Estado é intolerável. Acompanho Nicolau Santos quando (…) exige que o povo português merece seguramente um pedido de desculpas por parte de Assunção Esteves." 
 Luis Galego 

NOTA A MARGEM:
 
Quase sempre aqui  defendo as mulheres...e há homens que me acusam de "feminista"...e estariam prontos para me queimar nas fogueiras da inquisição...assim elas existissem ainda. Mas também as mulheres estão viradas e vivem umas contra as outras em nome de deus e de tudo... Uma velha intriga que deriva do medo de muitos anos de anulação de si e da subalternidade, da dependência do homem. Mas é preciso não esquecer de que as mulheres sempre foram os "BODES EXPIATÓRIOS"...dos homens e das sociedade patriarcais. Não é portanto de animo leve que acuso ou condeno uma mulher publicamente, como é aqui o caso de Assunção Esteves, presidente da Assembleia da Republica Portuguesa, a primeira mulher com esse estatuto. Importa assim discernir e clarificar...quando a mulher serve os intentos e os propósitos de uma sociedade alienada e injusta para mim é pior do que um homem...porque do Homem eu já espero tudo e na mulher eu sempre tenho a esperança de que acorde...mas uma mulher que serve o Sistema e usa a palavra "CARRASCOS" do lado dos próprios carrascos do povo em geral e das mulheres...então eu não hesito em denunciar esta anomalia!
E digo: esta mulher não é uma Mulher! Como o não é a Merkel e outras que andam por aí nas presidências de Países, em ministérios ou como deputadas de Partidos, sem minimamente fazer a diferença... ou mesmo saber o que é uma MULHER!
rlp
 
 

Sem comentários: