quinta-feira, outubro 10, 2013

A ALIENAÇÃO MORAL E GLOBAL DO CORPO...


"Além da compra do equipamento, o grupo quer enviar a outras mulheres a mensagem de que devem se aceitar como são, sem plásticas ou “marcadas pela vida”.

"Sessenta mulheres na Argentina decidiram posar nuas para financiar a compra de um mamógrafo para um hospital público da região da Patagônia.
Além da compra do equipamento, o grupo, composto por donas de casa, comerciantes, arquitetas, professoras, publicitárias e funcionárias públicas da cidade de Villa la Angostura, na Patagônia, quer enviar a outras mulheres comuns a mensagem de que devem se aceitar como são, sem plásticas ou “marcadas pela vida”."
 
A ALIENAÇÃO MORAL GLOBAL

... Meu Deus...as mulheres mesmo depois de lhes cortarem os seios...não tem outra alternativa que não pousar nuas como as pinups e os modelos ou striptease do sistema para angariar fundos nacionais para terem um aparelho qualquer médico? 

- São sempre as mulheres a exporem-se para salvar a pele e neste caso e o que ESTÁ AQUI EM CAUSA, não é o motivo ou a razão pela qual as mulheres de boa intenção fizeram isso, mas como é que nós aceitamos com bonomia e animo leve...a exposição do corpo mutilado da mulher ferida de morte...para angaria fundos para a sua causa - como uma coisa corajosa ou digna? Não será o sistema que já banalizou de tal modo a nossa maneira de pensar que achamos "normal" mulheres doentes e a sofrer expor o corpo nu ao publico de forma artística...?
Claro que não interessa ao mercado que se pense e nós caímos nesses lugares comuns em que a dor humana é banalizada para ficar em nada. Eu não posso acreditar que essas mulheres mutiladas se sintam felizes porque pousaram nuas para a revista com os corpos feridos...quem conhece essa dor sabe que não é assim que se passa, mas o que eu mais me dói é esta banalização da dor...e como que um incentivo a amputação da mulher, como se ela não perdesse nada...tudo está invertido neste maldito sistema patriarcal!
 
Por outro lado a apologia ao mérito destas imagens soa-me a total insanidade mental e mostra-me a falta de consciência que o nosso mundo tem na percepção da verdade das coisas ...uma plena inversão dos valores...mais elementares e a transformação do drama humano em banalidade!
Para mim este é um dos maiores horrores do nosso tempo, pois começam na banalização de pequenos horrores aceites como "normais" os grandes crimes...
Talvez eu tenha uma visão drástica das coisas ou vá muito mais além do que era suposto, mas não posso deixar de ver o que vejo...
E o que eu vejo é como no ocidente se exacerbou de tal maneira o corpo e o sexo, através de pornografia e filmes de crime e abuso sexual, que a paranoia é global e chegou ao consumo extremo de tudo o que é artefacto ou remédio e portanto com o comércio sexual e as grandes industrias farmacêuticas a vender e a promover químicos, vende-se sexo para todas as necessidades nesta sociedade impotente e hipócrita e até as pessoas de idade são compelidas e quase obrigadas a consumir a sexualidade como se fosse a única via de prazer...e de vida que lhes resta...
O Ocidente, que de católico passou a demoníaco, muito naturalmente seu filho directo e dilecto, é insano e promiscuo e da mesma maneira que tornou o corpo da mulher um mero objecto de uso faz agora o mesmo com toda a gente, homens, mulheres, velhos e crianças, porque separou o sexo totalmente da espiritualidade e da alma, destituindo-o de toda a essência humana...e divina.

 

RLP 

Sem comentários: