segunda-feira, janeiro 27, 2014

UMA FALSA IGUALDADE...



A MULHER

"SISTEMATICAMENTE AMESQUINHADA"


"O género humano tornou-se homogéneo do ponto de vista da cidade e das funções sociais que a constituem, mas, no seu seio, a oposição feminino-masculino subsiste, reduzida doravante à diferença entre uma melhor maneira para os homens e uma menos boa maneira para a mulheres de realizar cada uma das tarefas comuns aos dois sexos. Do ponto de vista conceptual, a imagem da mulher não ganha nada senão a ver-se sistematicamente amesquinhada.”(...)

in A alma é um corpo de Mulher - Giula Sissa

Sem comentários: