domingo, abril 13, 2014

GATOS...do meu coração


EU E A LILITH...



Hoje uma amiga pediu-me para lhe dizer o que é que eu achava dos gatos...eis o que lhe respondi...


Os gatos são pura magia quando nos ligamos a eles pelo respeito e pelo afecto e pela ternura à sua existência natural isto é se não traírmos a sua confiança e os deixamos ser livres e conduzirem os seus passos. Mais limpos e higiénicos não há outros seres nem mesmo os humanos; são impecáveis e magistrais, caminham sobre as coisas sem as tocar (caso não os assustemos com os nossos medos...) quando pulam para cima de um móvel ou estante, são claro muito curiosos, mas não precisam de ser controlados...eles sabem bem como sair dos apertos...e das situações difíceis...tem o instinto por excelência.
Eles não só comunicam connosco de muitas maneiras como transmitem algo de muito profundo e subtil que não é qualquer pessoa que pode entender ou sentir o que eles são de facto. Temos de entrar em sintonia e no seu mundo...não temos nada a perder, só a ganhar. Não é difícil porque se não resistirmos eles seduzem-nos como ninguém...eles cativam-nos com a beleza e a elegância e a doçura mais incrível que lhes é própria...
Sinto que eles são uma espécie de anjos na terra, acredite...que além de limpar as energias negativas eles nos dão um amor incondicional que os humanos são incapazes e mais incapazes quanto mais apregoam isso. O gato é um ser especial em todos os sentido...diria que perfeito...eles têm a maitrise que falta ao ser humano. Li algures e em tempos que todas as mulheres sobretudo a partir de uma certa idade deviam ter um gato...
Eles suportam a solidão como ninguém e são muito independentes, há que ter isso em conta...não somos nós que temos de os agarrar e por ao colo...eles vem quando e como eles quiserem...essencial não os chatear nem cobrar nada...
Eles são em suma uma grande lição de vida e de sabedoria se nós formos sensíveis e quisermos ser seus discípulos/as...neste caso temos o privilegiado de sermos mulheres...e de eles serem o nosso melhor espelho...eles reflectem o mais profundo da nossa feminilidade, por isso muitos homens os detestam e muitas mulheres têm medos de gatos, como tem medo da sua feminilidade instintiva e mal integrada...

Mulheres que não gostam de gatos têm grandes problemas com a sua sensualidade...
Hoje minha amiga eu não saberia viver sem a minha gata e antes desta tive um gato preto majestoso e por vezes hoje em dia tudo o que mais desejo e quero e desfruto como quase divina...é a sua companhia em paz e serenidade - qualidades que são apanágio desses seres únicos, tão mal compreendidos pela plebe neste mundo...os gatos são aristocratas...puros...nunca houve outra aristocracia a não ser a dos deuses e dos anjos, mas esses não convivem connosco no mesmo plano nem na Terra...aproveite a oportunidade se a vida lhe der de HAVER um gato a escolhê-la para ser seu dono ou dona...saiba merecer essa dádiva...

rosaleonorpedro

4 comentários:

Else Schumann disse...

Tenho a sorte de ter recebido esta dádiva!

Rosa Leonor disse...

Sorte mesmo Else...
e é bom reconhecer isso.
abraço forte

rl

Ana Nazaré disse...

Eu sou LOUCA, apaixonada, por gatos.....Sempre gostei deles, sua beleza, seu jeitinho engraçado...Depois que conheci um pouco de seus hábitos, me encantei ainda mais! Realmente, eles são uma lição de vida e sabedoria...Acho que quanto mais sensibilidade, melhor se entende e se relaciona com esse bichinho....

Anónimo disse...

Não tenho gatos; tenho duas cadelas que sempre estão ao meu lado. Agenor.