domingo, outubro 30, 2016

A DOR



FUGIR DA DOR...

Quando fugimos de uma dor é de uma única dor que fugimos. Quando fugimos de uma nostalgia, é de uma única nostalgia.
E adentramos noutras dores para fugir de uma dor
E caímos na nostalgia para desertar de uma saudade antiga...
Era melhor que sofrêssemos de outras feridas de que olhar a ferida que nos doeu
E repetimos dores querendo vencer a saudade
Até que algum dai, ao pararmos de correr, lembramos as palavras do poeta:
A dor e a saudade são apenas criaturas que anseiam pelo nosso amor.

Sem comentários: