quinta-feira, dezembro 29, 2016

O MAR



MULHER

Quando o ventre é o mar
Quando o ventre é a água
salgada
numa boca
Quando o ventre é a fonte
Quando o ventre é a forca.

Yvete K. Centeno

Sem comentários: