"NÃO SOU FEMINISTA, SOU ANTROPOLOGICAMENTE LÚCIDA" Ana Hatherly

sexta-feira, abril 13, 2012

SEXTA FEIRA 13


ALQUIMIAS INTERNAS


“As possibilidades do dom na mulher ultrapassam muito o simples plano humano e quotidiano para tocar e comunicar o plano divino e eterno, fora do tempo mensurável. Para a mulher como para Deus, existe um tempo (e um espaço) que apenas se mede porque Ele é: sum qui Sum” 

Valentin Bresle, Thesaurus Magiae

Sem comentários: