quarta-feira, abril 29, 2015

A PERDA






“Porque o amor exige um pouco de futuro e para nós só havia instantes.“ A Peste, Albert Camus

O fim de uma relação - a agonia de uma esperança como diria Agustina Bessa Luís. Da perda de alguém? Ou da perda de um ideal de relação que não se alcançou?
Relembrando Freud e o seu trabalho sobre a perda, sabemos quem perdemos, mas sabemos o que perdemos com o fim da relação? É um exercício que vale a pena fazer. Sempre.

In Incalculável Imperfeição - por  cristina simões

Sem comentários: