sexta-feira, maio 17, 2013

VEJAM ESTE PEQUENO VÍDEOhttp://youtu.be/_FnWJhbiLPg
 

O CANCRO OU HÁBITOS CANCEROSOS?

A maioria das pessoas tem medo do cancro, imaginado que o cancro mata.
Mas isso é misticismo canceroso.
A cancro não mata nem nunca matou ninguém ao contrário do que diz a medicina equivocada.
O que mata são... os hábitos cancerosos e não o cancro, por isso é que não adianta procurar a cura do cancro, que nunca irá acontecer na história da humanidade.
O grande erro da medicina é a confusão entre causa e consequência, imaginado que a consequência é a causa.
É como imaginar que a causa do incêndio é a cirene e não o fogo.

CURA FATAL

A cirurgia de um tumor canceroso, considerada bem sucedida na realidade não elimina a causa, pelo contrário, tende a acentuá-la, fazendo alastrar a doença pelo organismo inteiro.
Numa cidade que produza muito lixo, se eliminar-mos os contentores de lixo, o lixo vai-se espalhar pela ruas e vai contaminar a cidade inteira.

MENTIRAS DO CANCRO

A supostas células cancerosas causadoras do temido cancro, segundo os mais eminentes especialistas mundias são mais resistentes e fortes que as células ditas saudáveis, e a sua reprodução é muito mais rápida que as células saudáveis, por esse raciocínio os doentes cancerosos deveriam ter uma saúde de ferro e rejuvenescer a uma velocidade inacreditavelmente espantosa.
Mas a realidade é bem diferente, nenhuma célula cancerosa se reproduz. A célula cancerosa faz parte de um tecido morto.
1º As células mortas não se reproduzem.
2º As células mortas não se reproduzem por mitose(reprodução assexuada).
3º Só as células normais se reproduzem por fusão (uma espécie de reprodução sexuada)
O que existe no microcosmos nada mais é que uma replica do que existe no macrocosmos.
 
OBRIGADA  - RUI RATO 

2 comentários:

Anónimo disse...

Como vê, a alimentação é essencial para precaver certas doenças.

Beijos da filhota!!!

Rosa Leonor disse...

Pois é ...é um princípio, mas os próprios alimentos estão já quase todos contaminados...

beijinhos!
rl