quarta-feira, agosto 03, 2016

A busca d@ "outr@"



A NOSSA FERIDA DE AMOR...


...O desejo do amor exclusivo de alguém é talvez um sintoma de doença na humanidade, um estigma que nos marca logo ao nascer neste mundo. Por mais que tenhamos consciência ou intuição dessa quase anomalia ela continua como um registo inconsciente, celular, impossível de descartar por vontade própria, assim só porque disso temos consciência... Pode levar uma vida inteira a superar este anseio ou sonho, ou quem sabe muitas vidas... À partida, a busca do "outro", da mãe ou do pai, no amante, a necessidade do consolo ou do abrigo, de protecção, de defesa, seja pois do ou da amante quer na mulher quer no homem, é sinal da nossa separabilidade e incompletude à nascença, por isso todos queremos voltar aos braços de uma Mãe Maior ou ao seu útero, ou simplesmente à origem - que no fundo é o AMOR-UNIÃO que todos/as procuramos - e essa é certamente a grande dor e a grande caminhada na terra e a razão porque nascemos presos por um fio, um cordão umbilical e procuramos toda a vida o prolongamento desse fio no Fio de Ariana; Ainda a Mãe, a Mulher-Deusa ou Deus-Amor que nos faça sair do Labirinto, ou da nossa cegueira congénita...


rosa leonor pedro

Sem comentários: