domingo, fevereiro 25, 2018

QUEM SABE?



AQUILO QUE SE PERDEU... OU NUNCA SE PERDE?


"Aquilo que se perdeu, aquilo que se deveria ter querido, aquilo que se obteve e satisfez por erro, o que amámos e perdemos e, depois de perder, vimos, amando por tê-lo perdido, que o não havíamos amado; o que julgávamos que pensávamos quando sentíamos; o que era uma memória e críamos que era uma emoção;
(...)
Quem sabe sequer o que pensa ou o que deseja? Quem sabe o que é para si-mesmo? Quantas coisas a música sugere e nos sabe bem que não possam ser! Quantas a noite recorda e choramos e não foram nunca! "

(...)
IN O LIVRO DO DESASSOSSEGO
FERNANDO PESSOA


Sem comentários: