segunda-feira, março 05, 2007

PSYWAR - guerra psíquica contra as mulheres

Sexualização nos mídia* afeta saúde mental de meninas,
diz estudo

"Alguns jogos de computador mostram imagens 'sexualizadas' de menina
A representação de jovens mulheres como objetos sexuais nos mídia, prejudica a saúde mental de adolescentes, dizem especialistas americanos.

Para barrar o desenvolvimento pleno das meninas, uma das armas do patriarcado é a sua sexualização precoce. Li esta frase numa comunidade do Orkut: pornografia é a mídia fundamental da guerra psicológica \PSYWAR/ liberada pelo patriarcado contra a pessoa humana "diagnosticada mulher ao nascer". A exposição em revistas, televisão, videogames, videoclipes, filmes, letras de música, revistas, videogames e internet tem um efeito danoso para o desenvolvimento de garotas adolescentes, diz um relatório da Associação Americana de Psicologia, divulgado nesta segunda-feira.

Encarregada do relatório, Eileen L. Zurbriggen, presidente da força tarefa da Associação Americana de Psicologia e professora de psicologia da Universidade da Califórnia, acrescentou: "

"Nós temos amplas evidências para concluir que essa sexualização tem efeitos negativos em uma série de áreas, incluindo o funcionamento cognitivo e físico, a saúde mental e o desenvolvimento sexual saudável".
««««««««««««««««

Não é preciso sequer especialistas virem dizer o óbvio e que ninguém quer ver pois se trata de uma cegueira colectiva e uma programação massissa…é uma “guerra” de destruição da mulher mal esta nasce e os homens são os responsáveis, mas não querem ver. Porque essa é a garantia de que não serão confrontados com a sua fraqueza, acabando por serem também vítimas da sua cegueira… depois já não destinguem os travestis das mulheres...

Eu abro ao acaso Blogs muito intelectuais e responsáveis políticos ou jornalistas, e vejo as imagens ilustrativas de raparigas e mulheres provocantes e sensuais. São normalmente artistas...Mesma as mulheres mais “inteligentes” (bombas!) também se identificam com essas imagens e acordam todas de marlin ou de greta garbo…provocantes e oferecidas muito saudavelmente como os mídea querem. Merecem elogios e são promovidas...
O que é que tem, dizem os machos latinos? Foi sempre assim, não foi? No caso das mulheres é a sua única arma de arremesso nesta guerra surda…

Elas servem, nós servimos – todas nós mulheres, as que não merecemos apenas o desprezo por sermos velhas ou feias... - para ilustrar a verborreia da malta…servimos o voyarismo machista e houve mesmo um rapazinho (dos pastéis de belém) que uma vez me dedicou algumas imagens de homens belos (mas vestidos...) para justificar um comentário meu ao abuso das mulheres quase nuas na net…(claro que não me refiro à pornografia que éssa é assumida).

É tudo muito normal, acham…tudo muito comum e que importância tem usar mulheres lindísimas para a malta "alegrar o olho" e se entreter? Elas estão lá (o que é bom) é para se ver…e eu sou, está-se mesmo a ver, feminista recalcada ou lésbica!

E se fossem as suas filhas e irmãs? Que tal? Dirão que estas mulheres são públicas, que se expôem e vendem e o negócio é delas, que as deles são sérias e estão em casa, mas quem promove e divulga a carne para canhão são os mídea assim como dão tempo de antena a todo o lixo humano com destaque para nazis e padres o tempo inteiro…

Agora vamos ver na TVI em apoteose "A BELA E O MESTRE" ...ou o monstro disfarçado de sábio e as mulheres belas e burras, está-se mesmo a ver...
rlp
* No Brasil diz-se mídia em Portugal diz-se media (classe?)
Eu prefiro Mídea...
Obrigada Igaci pelo seu "comentário"; como vê é-me muito útil pois aqui estas informações não circulam sequer...

Sem comentários: