sexta-feira, março 09, 2007

O OITO DE MARÇO...e a identidade perdida da mulher


Ontem estive o dia com uma amiga na sua livraria. Fizemos uma montra alusiva ao dia 8 de Março há cerca de 15 dias. Os livros mais incríveis, mais estimulantes, mais focados sobre a VIDA DA MULHER, sobre a sua identidade perdida, biografias e antropologia, poesia de Florbela Espanca, Natália Correia e Cecília Meireles, tudo o que de melhor encontrámos para expressar outra realidade e os anseios mais profundos da mulher, as suas lutas, a grandeza da sua alma e o seu sofrimento, tudo com o fito de contribuir para o acordar uma verdadeira Consciência do Feminino...


Contribuir para uma verdadeira emancipação das mulheres...emancipação do príncipe-sapo, do romance cor-de-rosa, das revistas de fofocas, da violência e abuso do seu corpo, da vulgaridade do dia a dia...etc. etc....


SABEM UMA COISA?

NEM UM LIVRO FOI VENDIDO, NEM UM SÓ LIVRO EM 15 DIAS SAIU DAQUELA MONTRA...


Em contrapartida, no dia dos namorados, vendeu-se imenso disse-me a minha amiga...e as mulheres compram livros, sim, de astrologia, de anjos e de cartas, de cura instantânea, de padres e lamas, de jornalistas e artistas de cinema e televisão...

Tudo o que os Mídea promovem e lhes impingem...


As mulheres compram livros para os filhos darem aos pais no dia dos pais...no dia de Natal e da Páscoa, tudo e mais aquilo, mas para elas e delas verdadeiramente não se interessam e nem sabem de que se trata...DELAS MESMAS!

ESSE É O NOSSO DRAMA.
Escrevo isto naturalmente desanimada e triste com as mulheres, mas em contrapartida temos uma grande esperança neste movimento global de mulheres via Internet.
Apesar de em Portugal só 55% das mulheres saberem alguma coisa de informática...e as que escrevem estarem quase todas do lado do patriarcado e serem apenas as suas lacaias, as suas cobais, as suas travestis, as suas clones ...
Sim apesar disso, tenho esperança que esta possa ser uma via inundante e transbordante ainda que invisível.
EU TENHO ALGUMA ESPERANÇA NAS MULHERES DO MEU PAÍS
CONVIDO-VOS A DAREM-ME SINAIS ÓBVIOS DA VOSSA PRESENÇA...

Sem comentários: