quarta-feira, março 14, 2007

NÃO HÁ TEMPO PARA MODISMOS E FANTASIAS…

Imagem: Maat, Deusa da Verdade e da Justiça

COMENTÁRIO III

Rosa! É de fato lamentável o movimento corrosivo à figura e ao "padrão" da mulher que esta moda, criada pelos estilistas, cria atualmente. Porém, existem coisas a se observar... A primeira delas é que esse conceito mùmia é demasiado moderno, uma vez que um ou dois "lotes" de estilistas atrás traziam e figuravam a mulher na sua moda como centro e marco de veneração e beleza. A segunda é a lástima da maioria das mulheres no mundo permitir-se a esse perfil ditado pelas grandes grifes, onde elas vestem a moda, e não a moda as veste. Mas eu gostaria de fazer uma ressalva quanto à questão dos gays... independente de terem se rendido ao "padrão" do homem macho, barbudo, sarado e sexy... em poucos anos estes seres tão discriminados da periférica minoria da sociedade, que sofriam tanta pressão e opressão quanto as mulheres, vieram tomando consciência de si e de seu lugar na sociedade e hoje ocupam "status" libertos que a mulher, por falta dessa consciência ainda sofre por não conquistar. Portanto, seria muito válido se ao invés do "modelo" da passarela, as mulheres do mundo tomassem pra si o "modelo" da atitude.

Beijos & rosas,

Zazyel Von Hansen Zazyel Email Homepage 13-03-2007 16:31:13

Meu querido amigo: você sabe que eu não estou contra os gays…mas contra as imagens e estereótipos, por mais modernos que sejam ou simbólicos de arte e cultura que degradam o ser humano sejam eles homens mullheres. Para mim justamente a homossexualidade é uma questão interior, íntima, como toda a sexualidade. A sexualidade é um acto sagrado que foi profanado pelos mídea e pelo cinema. O erotismo é uma magia ou arte que foi destituída de toda a sua beleza que consistia no amor… Para não falar em como o AMOR se transformou em mero engate, em violência agressividade e comércio… Como sabe, sou apenas contra a violência a decadência e a morbidez dos excessos e a sua apologia; sou contra o gratuito, por fazer a elegia das Forças da Natureza, da Mulher e da Deusa…

Sou pagã de alma e coração e comigo está a força da Deusa terra e das árvores, do mar e dos animais selvagens…não preciso de sucedâneos quando a terra me dá tantas possibilidades de usufruir dela e do meu ser se eu souber estar em harmonia com a vida que vibra em mim…
O mundo está a caminhar para o abismo e as forças negativas querem levar tudo com elas e para isso servem-se dos nossos sórdidos costumes urbanos e viciados em consumo e mentira. É por isso que as mulheres são de novo atacadas...

A Natureza e o Planeta precisam de nós e é urgente ocuparmo-nos dos mares e dos animais, do ar e das plantas, das flores e dos jardins, das árvores e dos campos…dos oceanos, dos peixes, das crianças violadas, das mulheres vendidas e espancadas…etc. etc.

P.S.
Não acho que o homem gay tenho ganho muito com o tornar-se tão “macho” em vez de integrar o seu feminino de forma natural e espiritual. Estamos saturados de masculino e tanto os gays como as mulheres estão cada vez mais masculinos...Como sabe a Consciência de si ou do SI é feita pela integração dos dois polos, feminino e masculino e não na exacerbação de apenas um. Não se esqueça que somos dois em UM… Eleger o feminino ou o masculino em detrimento um do outro é voltar a imposição de um dos lados da nossa natureza, é cometer o mesmo erro milenar que fez da mulher um objecto de consumo...

De qualquer modo o que falta no mundo são os valores do verdadeiro feminino...e esses estão por descobrir tanto pelo homem como pela mulher. A sexualidade é secundária quanto a esta premência. Sejamos HUMANOS completos e deixará de haver descriminação sexual ou outra qualquer...
um abraço
rleonor

Sem comentários: